Crowd Farm

Julho 31, 2007

Li ontem algures aqui na net, uma noticia bastante interessante . Dois estudantes da escola de Arquitectura e Planeamento do MIT desenvolveram um projecto apelidado de Crowd Farm – “Quinta de Multidões”, em tradução directa . O principio é bastante simples – gerar energia através do poder das multidões . Este projecto poderia ser aplicado por exemplo em Estações de Metro/Combóio onde um elevado número de pessoas se desloca constantemente ou mesmo em concertos de Rock . Este projecto no entanto só é válido para conjuntos de pessoas e não para pessoas no sentido individual . Uma pessoa seria capaz de produzir em circunstâncias normais a energia suficiente para acender duas lâmpadas durante um segundo, não sendo por isso muito útil . Mas se o número de pessoas fosse multiplicado várias vezes assim como o número de passos então já seria possível por exemplo movimentar um combóio durante um segundo . O sistema funciona de forma bastante simples : Existem placas no chão, placas essas que podem sofrer uma pequena depressão e que encostar nas outras placas adjacentes iria gerar energia da mesma maneira que um dinamo. O dinamo é um dispositivo capaz de transformar a energia associada a um movimento repetitivo em energia eléctrica . Ex: Dinamo de uma bicicleta.

O artigo na integra pode ser lido aqui : http://web.mit.edu/newsoffice/2007/crowdfarm-0725.html

Anúncios

IPv4 vs. IPv6

Maio 25, 2007

Uma associação norte-americana chamada ARIN andou a fazer “contas á vida” e parece que só temos endereços IPv4 até 2010 . Para quem não percebe do assunto : um IP é uma sequência única de números que identifica um determino nó na rede . Estes nós principais, normalmente são servidores, cuja montagem, manutêncão e encargos estão a cargo de ISPs (Internet Service Providers) . Um IPv4 tem o formato xxx.xxx.xxx.xxx, ou seja, consiste numa sequência de 4 números que têm uma determinada gama de valores . Uma vez que os ISPs só podem atribuir IPs IPv4, a solução passa por adoptar o novo modelo IPv6, onde deixamos de ter 4 sequências para passarmos a ter 6 . Um IP fica então do tipo xxx.xxx.xxx.xxx.xxx.xxx … Um bocado chato não ?Não há problema, o DNS serve para alguma coisa 😉 DNS é um serviço que está praticamente presente em todos os OS actuais, é um serviço responsável por fazer a tradução de endereços que são “user-friendly” para endereços máquina . Exemplo : http://www.google.com na verdade tem o IP 64.233.183.103 . Para confirmar façam Iniciar -> Executar -> Escrever “cmd” no campo de texto -> ping http://www.google.com . O comando ping basicamente envia uma série de pacotes pela rede até ao endereço escolhido . É um bom utilitário para análise de redes … E gratuito …Podem ler aqui o artigo .